Tanto os funcionários quanto as empresas saem perdendo com o sedentarismo, que pode ser definido como a falta ou diminuição de atividades físicas.

Com um ambiente de trabalho composto basicamente por pessoas em um escritório, onde os dedos são os únicos que se mexem, as empresas começaram a repensar a maneira como os funcionários podem lidar com a rotina, o que fez com que elas encontrassem formas de estimulá-los a serem menos sedentários.

Nós temos 9 sugestões para ajudar você, gestor, a fazer com que os seus colaboradores se mexam mais. Confira agora as nossas dicas:

1. Estimule os funcionários a usar a escada

Nossa primeira dica para que você ajude os seus funcionários na redução do sedentarismo é o estímulo ao uso da escada. Se o escritório está dividido entre andares próximos, faça uma campanha entre os colaboradores para que eles se desloquem, sempre que possível, por meio das escadas.

Subir e descer entre os andares de escada trabalha os músculos das pernas. Além de ajudar a perder peso, esse tipo de exercício físico também aumenta a resistência. Mesmo que os andares estejam distantes, o funcionário pode ser estimulado a descer ou subir alguns andares de escada e fazer o restante do percurso de elevador.

2. Faça uma campanha antitabagismo

O tabagismo é uma das consequências do sedentarismo. Alguns colaboradores, quando estão nervosos e estressados, recorrem ao cigarro com a desculpa de acalmar os nervos e diminuir a ansiedade.

A empresa pode ajudar o funcionário por meio de uma campanha antitabagismo, com palestras, filmes, depoimentos e outros recursos que expliquem todos os males do cigarro. O incentivo ao fumo também pode ser reduzido com a diminuição de espaços próprios para fumar.

3. Promova a alimentação saudável

Se a sua empresa possui uma área própria para que os funcionários façam as suas refeições, você pode promover a alimentação saudável colocando lá uma cesta de frutas que é reabastecida semanalmente — a empresa pode colaborar com a metade do valor e os funcionários interessados com a outra parte, por exemplo.

A cada semana, um grupo de funcionários pode ganhar alguns minutos livres para ir até a feira ou ao supermercado do bairro e comprar as frutas que serão disponibilizadas na copa. Além de uma pausa na rotina, eles também poderão caminhar.

4. Firme parceria com academias

O exercício físico é primordial no combate ao sedentarismo.

Desta forma, para deixar os seus colaboradores mais ativos, você também pode incentivá-los a praticar atividades físicas regularmente. Isso pode ser feito através de parcerias com academias.

Realize uma pesquisa para levantar quantos colaboradores já se exercitam e quais são os tipos de esportes que eles gostariam de praticar.

Com isso, você conseguirá contratar planos de atividades voltados às necessidades dos funcionários e de acordo com o orçamento da empresa. O segundo passo é estipular uma meta para aumentar o número de praticantes.

5. Estimule o uso da bicicleta e do transporte coletivo

Os funcionários que moram mais próximo ao local de trabalho podem ser estimulados a usar a bicicleta para se locomover.

O estímulo pode ser feito por meio de bônus e de infraestrutura, instalando um banheiro com ducha no escritório e armários para que eles possam guardar a roupa utilizada no deslocamento.

O sedentarismo também pode ser reduzido com o incentivo à utilização do transporte público. Isso faz com que o funcionário tenha que caminhar para conseguir chegar em casa e ao trabalho, além de evitar longas horas no trânsito caótico das cidades.

6. Marque atividades no parque após o expediente

Em determinados dias da semana, a empresa pode promover atividades físicas, como aulas de dança, jogos de vôlei, basquete e futebol, fora do escritório. Essas atividades podem ocorrer em parques, por exemplo.

Além de promover a integração entre os colaboradores e o descanso mental da correria do escritório, todos vão praticar juntos as atividades físicas organizadas pela empresa.

7. Disponibilize vagas de trabalho voluntário

O trabalho voluntário, além de fazer bem para os que necessitam, pode contribuir com a redução do sedentarismo dos colaboradores da sua companhia.

Existem trabalhos voluntários onde o objetivo é dar banho e levar cachorros abandonados para passear, cuidar de crianças e brincar com elas e ajudar na rotina com o trato de idosos, entre muitas outras oportunidades.

Após entrar em contato com as organizações e selecionar as vagas, basta encaminhar os colaboradores interessados para as entrevistas e ajudá-los na conciliação do tempo de trabalho no escritório e no voluntariado.

8. Reposicione lixeiras, impressoras e bebedouros

Faça com que os colaboradores se movimentem mais dentro do escritório. Reposicione lixeiras, impressoras e bebedouros em locais que permitam caminhadas.

Além da pausa na rotina de ficar sentado o dia todo, os funcionários vão poder interagir uns com os outros.

9. Compartilhe sessões de alongamento

Vale usar a intranet, o e-mail, o sistema de televisão interno e outros recursos para promover sessões de alongamento.

Essas pausas, muito comuns em trabalhos como o telemarketing, permitem que o funcionário aprenda a se alongar e a deixar o corpo relaxado para encarar mais uma parte de sua rotina.

As dicas que apresentamos buscam combater o problema do sedentarismo, que afeta a vida das pessoas que trabalham sentadas por longos períodos.

Com essas mudanças simples em alguns aspectos do dia a dia do colaborador, a empresa pode garantir o bom funcionamento do organismo dos seus funcionários e o fortalecimento dos seus músculos. As mudanças no comportamento do time fazem com que todos possam ganhar saúde e mais qualidade de vida!

Pronto para colocar em prática as nossas dicas sobre como ajudar os colaboradores no combate ao sedentarismo? Compartilhe conosco a experiência de adotar estas práticas na sua empresa!

Fonte: https://blog.gympass.com/sedentarismo-como-ajudar-seus-funcionarios/